Redes Sociais e investigação

Galeria

Partilhar resultados e tornar conhecida a investigação, quando não há limites e embargo a essa comunicação por parte das entidades envolvidas, em redes sociais ou em weblogs é uma das formas de divulgação científica.   Uma leitura útil para quem … Continuar a ler

TRABALHOS ACADÉMICOS – Livros úteis no seu desenvolvimento

Galeria

Esta galeria contém 1 imagem.

Nesta altura em que há a necessidade de desenvolver trabalhos ou de iniciar o trabalho de investigação para a elaboração de dissertações, no âmbito do mestrado, alguns livros são guias imprescindíveis não só na definição do plano a seguir, mas … Continuar a ler

IEEE – como referenciar uma patente (2)

Galeria

Continuando a divulgar a forma de se elaborarem listas de referenciação tendo em conta a norma IEEE, no caso de uma patente deve-se colocar a seguinte informação: Estrutura: [Nº de citação]     Autor(es), “Título”, Nº de patente, Ano, Mês (abreviado) e dia de publicação. … Continuar a ler

Eventos científicos internacionais

Galeria

  A ATINER, Athens Institute for Education and Research, é uma associação internacional de académicos e investigadores, criada em 1995, que sistematizou uma listagem de conferências internacionais em várias áreas tais como ciências sociais e económicas que podem interessar para publicação … Continuar a ler

Publicação em acesso livre na área da Engenharia

Galeria

A Springer editora da  publicação científica International Journal of Mechanical and Materials Engineering destaca alguns artigos em livre acesso para consulta de investigadores e profissionais interessados na área da Engenharia Mecânica e de Materiais. Mais informações e normas para submissão … Continuar a ler

Ranking web of Repositories – o que existe?

No últimos anos multiplicaram-se a criação de recursos electrónicos em acesso aberto, como bases de dados, diretórios e portais e já existem online uma série de outras ferramentas ao dispor da investigação para consulta de dados estatísticos. monografias e revistas em livre acesso, para além dos observatórios e organismos oficiais de cada país que vão disponibilizando essa informação.

Para estar a par desses recursos sugere-se a consulta do Ranking web of Repositories que permite o acesso a uma listagem de universidades, centros de investigação, hospitais, escolas e institutos de negócios de referência em todo o mundo.

Repositório para acesso a milhares de documentos científicos

transferir

O RCAAP é um portal agregador (meta-repositório) dos documentos depositados nos vários repositórios institucionais existentes em Portugal e no Brasil. No RCAAP são reunidos e indexados não só a descrição (metadados) mas também o texto integral.

O portal funciona como um ponto único de pesquisa, descoberta, localização e acesso a milhares de documentos de carácter científico e académico, nomeadamente artigos de revistas científicas, comunicações a conferências, teses e dissertações, distribuídos por inúmeros repositórios portugueses, incluindo das principais unidades de investigação e/ou universidades. A lista dos repositórios agregados no portal pode ser consultada no Directório.

Para encontrar documentos fazer pesquisa AQUI.

O que é o RCAAP?

Vídeo sobre RCAAP reportagem

Um artigo com dicas para escrever artigos científicos

Um formato para artigos científicos em ciências sociais, é uma compilação de dicas para ajudar na redação de artigos. O autor, Guilherme Nobre, justifica o texto como um incentivo «a que jovens investigadores ibero-americanos escrevam e publiquem mais artigos científicos, apresenta-se o Position Short-Paper (PSP): um protocolo para guiar a forma e o conteúdo na escrita de cada seção de um artigo científico». Para ler na íntegra na Plataforma Barómetro Social.

O que pensam os investigadores do processo de peer review?

Em What Researchers Think About the Peer-review Process revela-se a  opinião de mais de 3 mil investigadores sobre o processo de revisão de pares, uma das etapas fundamentais da publicação científica, cada vez mais valorizada no âmbito do trabalho desenvolvido no ensino superior. O estudo desenvolvido junto de investigadores revelou que:

Most researchers – 70 percent – are happy with the current peer-review process; a satisfaction rate higher than those recorded in similar 2007 and 2009 surveys. When asked if peer review helps scientific communication, 83 percent of those we surveyed agreed, with comments such as, “I have had reviews that were very insightful. When researchers get their nose caught in the lab book, we cannot see the forest through the trees. Having a peer look at your science helps expand the overall view”. (Researcher in Environmental Science, Switzerland, aged 36-45.)

Uma das abordagens do estudo foi tentar perceber também se a pressão tem aumentado junto dos revisores. Para 29% dos inquiridos isso acontece e entre as razões referidas está a pressão do tempo, a falta de incentivos e de conhecimento especializados, mas sobretudo, a falta de qualidade da maioria dos artigos submetidos para revisão.

De referir que a Elsevier tem criado mecanismos com vista à melhoria das condições do processo de revisão tais como: reconhecimento dos revisores e implantação de uma plataforma de identificação de plágio.